top of page
IMG_8211.jpeg

Ajudo no caminho do autoconhecimento.

Saúde mental, Desenvolvimento Pessoal, Relacionamentos, Gravidez, Parentalidade

Em que posso ajudar…

Psicologia Clínica

Transição para a Parentalidade
Psicologia Perinatal 

Terapia de Casal

Avaliação Psicológica

IMG_8214.jpeg

Quem sou eu?

Sou a Catarina, mãe, mulher e psicóloga clínica. Sou natural de Lagos e trabalho online, de Portugal para o mundo.

Acredito que todos temos a capacidade de nos construirmos e (re) construir-mos e foi esse o motivo que me trouxe até à psicologia e à minha missão que é trabalhar em conjunto com a melhor matéria-prima que temos enquanto humanidade, as Pessoas.

Tenho me dedicado a ajudar pessoas a melhorar a satisfação consigo e com a sua vida, melhorar os seus relacionamentos e no processo de transição para a parentalidade.

IMG_8576.jpeg

“Conheça todas as teorias, domine todas as técnicas, mas ao tocar uma alma humana, seja apenas outra alma humana.”

Jung

Será que devo procurar um psicólogo?

O objetivo das consultas de psicologia pode ser variado. Contudo, existe um objetivo transversal à intervenção psicológica, a melhoria da qualidade de vida e bem estar

Através do uso de várias estratégias terapêuticas as pessoas que me procuram melhoram as suas vidas, alterando hábitos, crenças que os limitam, potenciam as suas competências, desenvolvem novas, melhoram os seus relacionamentos e lidam com os obstáculos da sua vida de uma forma mais ajustada e promotora de bem estar. 

As consultas são estruturadas por forma a aprofundar as questões pessoais que provocam sofrimento, desajuste, mau-estar especifico ou geral, procurando desenvolver em conjunto com o cliente uma abordagem mais eficaz e satisfatória para as suas vidas.

É nessa perspetiva de parceria e colaboração que acontece a caminhada terapêutica e a melhoria.

Saiba mais sobre as consultas
Vinculação Amorosa
A mala emocional da maternidade
Avaliações Psicológicas
Consultas Online
Segurando a cortina

Síndrome do Impostor,  um lugar partilhado por muitos

Quase diariamente ouço em consulta o termo “síndrome do impostor”. Uma expressão amplamente disseminada com que tantas pessoas se identificam. Porque será? Afinal, o que significa este termo e como podemos identificar e ultrapassar?

Testemunhos e feedback

"A Dra. cativou-me desde a primeira consulta, com a sua capacidade de ouvir, compreender e dar-me respostas sempre reconfortantes! O seu empenho, a sua dedicação e profissionalismo fizeram-me sempre sentir uma pessoa única e especial em cada consulta! O método que tem usado comigo - EMDR - revelou-se extremamente eficaz no tratamento das situações que me perturbavam há tantos anos. Sinto-me mais confiante em mim e nas minhas capacidades, mais segura para enfrentar a vida."

IMG_8216.jpeg

Deixe-me a sua questão.

Comece já hoje o seu caminho em direção à vida que pretende!

Obrigado pelo envio!

bottom of page